Go to Main Content

Antes de tomar uma decisão de investimento, os potenciais investidores devem considerar cuidadosamente todas as informações disponíveis neste website, em especial os riscos mencionados abaixo. Os negócios, situação financeira e resultados de operações da Tecnisa podem ser adversa e materialmente afetados por quaisquer desses riscos e, por conseguinte, impactar negativamente os títulos emitidos pela Companhia. Os riscos descritos abaixo são aqueles conhecidos pela Tecnisa e que, acredita-se, podem afetar de maneira relevante a Companhia. Riscos adicionais não conhecidos pela Tecnisa ou irrelevantes também podem afetar os seus negócios.

O Governo Federal exerce influência significativa sobre a economia brasileira. Essa influência, bem como a conjuntura econômica e política brasileira, poderá vir a causar um efeito adverso relevante nas atividades da Tecnisa e no preço de mercado das suas ações ordinárias.

A inflação e as medidas do Governo Federal para combatê-la podem contribuir de maneira significativa para a incerteza econômica no Brasil, na condição financeira da Companhia, nos seus resultados operacionais ou afetar adversamente o preço das suas ações ordinárias.

A volatilidade nas taxas de câmbio do real em relação ao dólar poderá afetar adversamente a situação financeira da Tecnisa e os seus resultados operacionais.

Eventos políticos, econômicos e sociais e a percepção de riscos em outros países, sobretudo de economias emergentes, podem afetar adversamente a economia brasileira, os negócios da Companhia e o valor de mercado dos valores mobiliários brasileiros, incluindo as suas ações ordinárias, além de poder limitar o acesso da Tecnisa aos mercados internacionais.

A Companhia está exposta a riscos associados à incorporação imobiliária, construção e venda de imóveis.

A falta de disponibilidade de recursos para obtenção de financiamento pode prejudicar a capacidade ou disponibilidade dos potenciais compradores de imóveis de financiar suas aquisições, o que pode vir a afetar negativamente as vendas da Tecnisa e lhe obrigar a alterar as condições de financiamento que ela oferece aos seus clientes.

A Tecnisa está sujeita a riscos normalmente associados à concessão de financiamentos.

O crescimento futuro da Companhia poderá exigir capital adicional, que poderá não estar disponível ou, caso disponível, poderá não ter condições satisfatórias.

O setor imobiliário no Brasil é altamente competitivo e a Companhia pode perder sua posição no mercado em certas circunstâncias.

As atividades da Tecnisa estão sujeitas à extensa regulamentação, o que pode vir a aumentar o seu custo e limitar o seu desenvolvimento ou de outra forma afetar adversamente as suas atividades.

O aumento de alíquotas de tributos existentes, a criação de novos tributos ou o cancelamento de determinados regimes ou tratamentos dos quais a Companhia se beneficia poderão lhe prejudicar de maneira relevante.

O descasamento entre as taxas utilizadas para a indexação das receitas da Tecnisa e as taxas utilizadas para a indexação de suas despesas poderá impactar negativamente a sua situação financeira e seus resultados operacionais.

Diversos fatores podem reduzir a liquidez da Tecnisa, tais como escassez de financiamento, aumento de taxas de juros, redução na velocidade de vendas de novos empreendimentos e aumento da inadimplência na carteira de clientes.

A perda de membros da alta administração da Companhia, ou a incapacidade de atrair e manter pessoal adicional para integrá-la, pode ter um efeito adverso relevante sobre a Tecnisa.

A Tecnisa é uma empresa cujos resultados dependem dos resultados das suas controladas e coligadas, os quais não pode assegurar que lhe serão disponibilizados.

A redução do preço de venda e da demanda por empreendimentos imobiliários da Companhia por clientes de alta e médio-alta rendas na região metropolitana de São Paulo poderão afetar de maneira significativa os resultados operacionais da Tecnisa.

A Companhia poderá não ter sucesso em empreendimentos realizados fora da região metropolitana de São Paulo.

O sucesso da Tecnisa depende da disponibilidade de terrenos viáveis a preços atraentes.

O valor de mercado dos terrenos que a Companhia mantém em estoque pode cair, o que poderá impactar adversamente seu resultado operacional.

Ainda, a fim de aumentar o estoque de terrenos da Tecnisa, a Companhia pode vir a ter que reduzir o seu capital de giro, o que poderá lhe deixar mais exposta a eventuais incertezas inerentes ao mercado em que atua.

Um mercado ativo e com liquidez para as ações ordinárias da Companhia poderá não se desenvolver, limitando a possibilidade de venda das ações da Tecnisa pelo investidor.

A venda de um número significativo de ações ordinárias da Companhia pode vir a afetar de maneira adversa o seu preço.

A Tecnisa poderá vir a precisar de capital adicional no futuro, por meio da emissão de valores mobiliários, o que poderá resultar em uma diluição da participação do investidor no capital social da Companhia.

Os interesses do acionista controlador da Tecnisa podem entrar em conflito com os interesses de outros detentores das suas ações ordinárias.

Última Atualização em 9 de Setembro de 2021